Acompanhe nossas redes sociais
e fique bem informado
Notícias | Política
13.11.2017 - 08h24 | Eldení Alves
Maranhão minimiza ruptura do PSDB com Temer e diz que não há impedimentos para divergências nos Estados
 
  • Tamanho do texto: A-
  •  
  • A+

O senador José Maranhão se mostrou despreocupado com a crise instalada entre o PMDB e o PSDB em nível nacional e invocou as particularidades locais para endossar o discurso das oposições na Paraíba. Ainda juntas no estado, apesar do choque entre os anseios de cada uma nas próximas eleições, as duas siglas estão cada vez mais distantes em Brasília, onde o presidente Michel Temer já prepara uma ‘expulsão’ tucana de seu governo.

Durante passagem pela Capital paraibana neste sábado (11), onde participou da Convenção do PSDB estadual, Maranhão minimizou as turbulências envolvendo parlamentares da legenda e o Governo, e avaliou que a democracia é plural. “Todos não estão obrigados a se alinharem na mesma direção e nos mesmos propósitos. A política nacional tem dado provas sobejas disso”, disse o ex-governador, acrescentando que ‘nem sempre conseguiu-se construir uma aliança nacional vertical’. “Os partidos guardam os seus compromissos programáticos”, destacou.

Para o senador, a culpa por tanta diversidade nas atuações partidárias está no sistema adotado no país. “No regime capitalista não existe partido ideológico. Isso é elementar. De maneira que nada impede que os partidos tenham posições diferentes a nível dos estados e dos municípios. Isso é que dá efetividade à democracia pluripartidária no Brasil”, explicou.

De acordo com informações da Coluna Painel, da Folha de São Paulo deste domingo (12), o presidente Michel Temer sinalizou a aliados que fará sua reforma ministerial em até 15 dias. Pela lógica, o PSDB deixará o governo a partir de atos do próprio peemedebista. Entre as legendas beneficiadas, as que mantêm apoio a Temer como o PSD, PR e DEM. A medida já visa às eleições de 2018 e os tucanos devem ficar à margem de alianças, segundo a publicação.

 

Blog do Gordinho

 
 
Comentários
   
   
   
©2010- 2017 . Portal Independente. Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Paula Araújo