Acompanhe nossas redes sociais
e fique bem informado
Notícias | Esportes
07.07.2017 - 09h20 | Globo Esporte
Os milhões do clássico: finanças atuais contrastam Vasco e Flamengo
 
  • Tamanho do texto: A-
  •  
  • A+

O Clássico dos Milhões disputado neste sábado entre Vasco e Flamengo, em São Januário, não recebe o nome à toa. É o jogo das duas maiores torcidas do Rio de Janeiro, capaz de movimentar massas e quantias astronômicas em tempos áureos. Hoje, alguns milhões separam os dois clubes: o Cruz-Maltino, anfitrião da partida, vive situação financeira delicada e caminha aos poucos em busca de uma recuperação; o Rubro-Negro passou por esta fase mais apertada e começa a colher a recompensa.

A diferença de milhões entre os rivais pode ser vista nas contratações do ano, nos patrocínios, nas receitas e na folha salarial. A curiosidade é que, até agora, não foi traduzida nos gramados. O Flamengo (3°) tem apenas quatro pontos a mais que o Vasco (6°) no Campeonato Brasileiro (20 a 16). Em três jogos no ano, houve uma vitória do Rubro-Negro e dois empates.

Confira as comparações:

PRINCIPAL CONTRATAÇÃO DA TEMPORADA

Vasco:

Luis Fabiano (de graça, após rescindir com o Tianjin Quanjian). O Vasco não gastou para adquirir direitos econômicos de nenhum reforço. A maioria veio por custo zero ou empréstimo, apenas com pagamento de luvas.

Flamengo:

Everton Ribeiro (6 milhões de euros, cerca de R$ 22 milhões).

JOGADORES MAIS CAROS DO ELENCO

Vasco:

Luis Fabiano, Nenê e Martín Silva compõem o primeiro pelotão. O camisa 10, por exemplo, recebe perto de R$ 400 mil mensais, com bonificações e metas a alcançar.

Flamengo:

Guerrero, Diego e Everton Ribeiro. O peruano é o mais caro e recebe por volta de R$ 950 mil por mês, incluindo luvas.

FOLHA SALARIAL

Vasco:

4 milhões por mês.

Flamengo:

9 milhões mensais.

PATROCÍNIOS

Vasco:

O clube receberá 12 milhões com seus atuais contratos de patrocínio: 11 milhões da Caixa Econômica e 1 milhão da TIM.

Flamengo:

O Rubro-Negro arrecada atualmente cerca de 60 milhões pela exibição de parceiros em sua camisa:

R$ 25 milhões da Caixa (master), R$ 15 milhões da Carabao, R$ 7 milhões da MRV , R$ 6 milhões da Yes!, R$ 4 milhões da Tim, R$ 2 milhões da Universidade Brasil, R$ 500 mil da Kodilar.

ORÇAMENTO

Vasco:

O clube prevê receitas de R$ 262 milhões em 2017, cerca de R$ 31 milhões a mais do que ano anterior.

Flamengo:

Com projeção de R$ 425 milhões neste ano, o Rubro-Negro calcula que terá o maior faturamento do país.

 

 
 
Comentários
   
   
   
©2010- 2017 . Portal Independente. Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Paula Araújo