Acompanhe nossas redes sociais
e fique bem informado
Notícias | Política
15.02.2017 - 20h47 | ExpressoPB
Justiça determina busca e apreensão de documentos na casa do ex-prefeito Marcos Martins
 
  • Tamanho do texto: A-
  •  
  • A+

A Juíza Kalina de Oliveira Lima Marques determinou na manhã de hoje (15) a busca e a apreensão de documentos pertencentes à prefeitura do município de Mari, Zona da Mata da PB, que estariam sob a guarda do ex-prefeito Marcos Martins e de assessores seus que atuaram durante sua gestão.

Na decisão da magistrada, o alvo são as residências do ex-prefeito, do ex-Secretário de Administração Felipe Costa, do ex-Secretário de Finanças Luiz Carlos Paiva de França, do ex-Presidente da Comissão Permanente de Licitação, Felipe Medeiros da Silva e do ex-assessor Edmilson Brito de Souza Raimundo Doia de Lima.

Na decisão, a Dra. Kalina Marques, determinou que fosse feita a recuperação de todo tipo de documento pertencentes a edilidade, como sendo documentos, agendas, relatórios, CPUs de computadores, relatórios contábeis, dentre outros objetos.

A medida cautelar foi pedida pela atual administração municipal que encontra-se com as contas da edilidade bloqueadas pelo Tribunal de Contas do Estado devido a falta de entrega dos balancetes referentes ao meses de novembro e dezembro.

Segundo o atual prefeito Antonio Gomes (PSD) desde que assumiu a gestão municipal, muitos são os entraves que vem enfrentando com a falta de informações em que se deparou, já que nenhum documento foi deixado pela gestão do ex-prefeito Marcos Martins, que inclusive se negou a realizar o processo de transição.

“O conteúdo do pedido formalizado demonstra que existem fortes indícios de que os documentos em questão foram levados de forma irresponsável, ilegal e leviana da prefeitura, no intuito de tumultuar o início da atual administração”, disse o atual Prefeito do município.

 
 
Comentários
   
   
   
©2010- 2017 . Portal Independente. Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Paula Araújo